Seguidores

sexta-feira, 1 de abril de 2016

SER RICO É TER DINHEIRO?

Olá, boa tarde!
O que significa ser rico para você?
É muito comum as pessoas associarem riqueza a dinheiro, mas será que esse pensamento está mesmo correto?
A diferença básica entre as pessoas que “apenas” ganham dinheiro e as que preferem acumular riqueza diz respeito ao comportamento de como gastar.
E a prosperidade? Ela está diretamente relacionada a ganhar dinheiro?
Normalmente as pessoas que não acumulam riqueza, mas ganham dinheiro, gastam recursos com coisas que não são geradoras de mais riqueza, mas sim geradoras de mais custos. Não são prósperas, e assim sendo, são infelizes.
Eu conheci pessoas que, apesar de terem dinheiro eram muito pobres, ao contrário também conheci outras que, apesar de não terem muitos recursos eram muito ricas, porque eram felizes... Isto tem a ver com "prosperidade". 

A acumulação de riqueza vem justamente da capacidade do indivíduo de “gastar” dinheiro com coisas que geram mais dinheiro “e não mais custo”. Assim, além de seu próprio esforço pessoal no seu trabalho, passa a contar com outras formas de aumento de patrimônio pelas quais ele não precisa se dedicar para que deem resultado. Isso multiplica o processo. Mas não basta só acumular dinheiro, é preciso ser próspero.
A prosperidade é um estado de espírito que basicamente reúne saúde, dinheiro, alegria e especialmente liberdade. Por conta desses fatores, você pode ter muito dinheiro e não ser próspero, o que é muito comum em pessoas que tem grandes quantias acumuladas, mas não são felizes, não estão de bem com a vida.

A prosperidade real, pura e simples é um estado espiritual de sabedoria e discernimento. Ela transita pela estrada das emoções bem resolvidas. Se a prosperidade encontra culpa, medo, tristeza, angústia, autoboicote, egoísmo, inveja, ela é bloqueada.

Diante disto tudo temos que parar de perseguir o dinheiro e começarmos imediatamente a buscar prosperidade. 
Qual é o seu propósito em ter prosperidade? Por que você quer ter dinheiro e abundância? Seja qual for o motivo, deixe ele bem claro na sua mente e sinta-se feliz com ele.

Este propósito precisa fazer você sorrir quando pensar nele, fazer você feliz quando contar para um amigo e principalmente precisa fazer você sonhar acordada, como coração cheio de esperança.

Você não pode sentir culpas, angústias ou tristezas a respeito a esse propósito e não deve também ficar se justificando como se o seu propósito fosse um “pecado”.

Você tem que sentir que merece! Você precisa acreditar que merece! Você precisa querer a sua prosperidade sem preconceitos! Seu cérebro se inundará dos neurotransmissores ligados ao bem-estar, gerando uma espiral de energia que lhe trará tudo o que necessita: ideias, aliados, oportunidades.
Dê o primeiro passo!
Prosperidade é movimento, é ação.

Fontes: http://www.luzdaserra.com.br/
www.mabelcristinadias.com.br


Um lindo fim de semana!
 photo 36bef642.gif

16 comentários:

Toninho disse...

Boa noite Marcia.
O dinheiro e a felicidade, um eterno questionamento.
Assim pelos caminhos estamos sempre nos deparando com a máxima de que o dinheiro não trás a felicidade.
Um bom fim de semana amiga.
Bjs de paz.
Faz tempo que não a vejo por aqui, embora no Insta estamos sempre em interação.
Um abração amiga.

CÉU disse...

ser rico é ter saúde, amor, ser honesto e viver em paz,.
beijos e bom fim de semana.

Vera Lúcia disse...


Olá Marineide,

Um texto bem esclarecedor.
Dinheiro é bom enquanto propicia bem estar e é generosamente empregado. Na verdade, dinheiro, por si só, não é gerador de felicidade, pois esta compreende outros fatores, principalmente de origem interna. Uma pessoa próspera se considera afortunada e de bem consigo próprio e com a vida.

Deixo um pensamento de Gandhi: "Quando a alma está feliz, a prosperidade cresce, a saúde melhora, as amizades aumentam, enfim, o mundo fica de bem com você...! O mundo exterior reflete o universo interior".

Ótimo final de semana.

Beijo.

Carmem Grinheiro disse...

Olá, Marineide.
Eu, a comentar logo a seguir à amiga Vera, que deixa tão sábias e sensatas palavras , não poderei acrescentar mais: resta dizer que sublinho suas palavras.
A riqueza quando sinónimo de apaziguamento de espírito e felicidade, nada terá a ver com dinheiro, mas com bem-estar espiritual.
bj

© Piedade Araújo Sol disse...

ser rico é estar em paz com todos, ter saúde e ter amigos....

beijinhos

:)

Edumanes disse...

Se ser rico é ter dinheiro,
ser pobre é dinheiro não ter
tem mais valor ser bom cavalheiro
do que ter muito dinheiro e não ser!

O dinheiro sobe à cabeça,
faz crescer a arrogância
no mundo há tanta pobreza
causado pela ganancia!...

Boa noite e bons sonhos amiga Marineide, um abraço.
Eduardo.

Graça Pires disse...

Uma boa reflexão, amiga. Há tanta gente confundida por aí...
Um beijo.

Pedro Coimbra disse...

Riqueza material (dinheiro) e riqueza espiritual(o resto).
Muito diferentes.
Boa semana

Pedro Luso disse...

Marineide,
Esse tema é muito bom, pois está relacionado com o que fazemos de nossas vidas. Relaciona-se com o tempo, que podemos estar jogando fora, ou se ter dinheiro, que poderá proporcionar felicidade. Ter dinheiro ajuda em muitas coisas, principalmente quando se está velho. Conheci pessoas pobres muito felizes e pessoas ricas infelizes. Esse é um tema para muitas abordagens.
Abraços.

Bruna Longobucco disse...

Ótimo texto, ótima escolha de tema. Ainda mais num momento de crise como este.
Bjsssss

ONG ALERTA disse...

Como diz invejo ditado tem coisas que o dinheiro não compra....
Bjbjbj Lisette.

Ana Freire disse...

Ser rico, é acima de tudo ter-se paz de espírito...
Dinheiro... realmente não traz felicidade... mas como o meu pai costumava dizer... que acalma os nervos... acalma!...
Um post fantástico, sobre o eterno dilema... dinheiro ou felicidade, o que conta mais, para a nossa vida?...
Beijos, Marineide! Bom fim de semana!
Ana

Jaime Portela disse...

O conceito de riqueza é relativo, mesmo no que se refere a dinheiro.
Um magnífico post, gostei.
Bom fim de semana, querida amiga Marineide.
Beijo.

Poções de Arte disse...

Bom dia, Mari!

Que texto perfeito e esclarecedor!
Há quem confunda as duas coisas e até já tive oportunidade de ler no face algo mais ou menos assim "Sou contra igrejas que pregam prosperidade".
Infelizmente, há quem associe a prosperidade somente a dinheiro e ainda não entenda a diferença de gerar custos ou ter prosperidade.
Acredito que todos nascemos para ser prósperos.

Abração esmagador, paz e prosperidade pra vc e ótimo final de semana.

Lourisvaldo Santana disse...

É preciso equilíbrio nisso tudo, Marineide! É preciso equilíbrio para se viver a vida com o que se vai conquistando. Se se esperar para viver a vida depois que se conquistar o mundo, então chegaremos o fim da vida com muitas coisas serão apenas a herança de outros.

É isso, moça!

Eu não tenho posses, ganho de salário o suficiente para viver sem fazer dívidas e isso me está sendo muito bom. Considero-me uma pessoa feliz, e isso é o que importa.

Felicidades, Marineide!

http://pontosdefe.blogspot.com/

Maria Rodrigues disse...

O dinheiro ajuda a ter uma melhor qualidade de vida, mas não dá felicidade, essa vem de termos saúde, amor e paz.
Beijinhos
Maria

Related Posts with Thumbnails

RECOMENDO COM LOUVOR