Seguidores

sábado, 28 de novembro de 2009

FIN... FAN... FUN...



Recebi por email, um texto sensasional sobre essa história de "fim do mundo".
Desde criança, e olha que este tempo já está bem distante, ouço falar que o
mundo vai acabar. Chegou o ano 2000 e nada! A menos que eu morri e ainda
não me avisaram! Agora, dizem que o fim será no ano 2012... Leiam a texto e
divirtam-se como eu me diverti.  Aliás concordo plenamente com o autor do texto.
                         E vocês?
                         beijos



por Wagner Borges
Perguntaram- me, o que eu faria se o mundo fosse acabar?                                                                          
A resposta é bem simples:
Continuaria a viver, como sempre, apenas fora do corpo, em outras dimensões.
A Atlântida e a Lemúria afundaram, mas ninguém morreu lá.
O pessoal apenas saiu de seus corpos e continuaram vivos.
Inclusive, muitos estão reencarnados no momento atual da Terra.
Todos nós já vivemos muitas vidas e muitas mortes, apenas físicas.
Somos craques em morrer.
É provável que na hora da morte alguém até ache meio familiar o processo, e diga:
- Pô, desencarnar é simples!
O que nós não somos craques é em viver.
É por isso que nós retornamos ao palco da vida física novamente.
Nossas mortes em vidas anteriores foram só físicas, infelizmente.
Se tivesse morrido nosso ego também, talvez hoje nós fôssemos bem diferentes.
- Apocalípse do nosso ego?
YES!
- Medo de morrer?
NO!
- Fim de ciclo?
YES!
- Fim do mundo?
NO!
Perguntei ao meu coração, o que ele faria se o mundo fosse acabar...
Ele respondeu-me:
- Tô tão cheio de vida, cara. Por que você me pergunta isso? Você sabe que somos imortais. Então, parece-me estranha sua pergunta. Que tal perguntar-me como amar? Ou, como fazer para não entrar na onda dos que só vêem negatividades no mundo?
Perguntei ao meu ego:
- E aí, "egorgulho", o que você acha disso tudo?
Ele olhou-me com uma expressão ameaçadora e disse-me:
- Cara, acho que você tá com algum problema. Muita gente no mundo inteiro está falando de fim dos tempos e separação do joio do trigo. Por que você fica falando de espiritualidade, alegria, amor, imortalidade, luz e piadas? Não se manca não? Você está nadando contra a corrente e acabará naufragando. É melhor parar com esse papo todo e descolar uma nave de resgate para nós. O mundo que se dane! O importante é ser um escolhido new age. E vê se para de rir, porque eu não gosto!
* * *
Engraçado!
Parece que tem uma nave aqui em cima do meu prédio.
E parece que uma voz telepática extraterrestre está me dizendo:
"FIN.... FAN... FUN..."
(ou seria "Plim... Plam... Plum...")
ou até mesmo "Plunct... Plact... Zum... você não vai a lugar nenhum..."
Pois é, no fim (ops!) das contas, as pessoas estão falando mais de apocalipse e catástrofes do que em fazer algo de bom na existência.
Parece que o amor foi embora de seus corações e só ficou o medo das profecias.

Ainda prefiro ficar com os ensinamentos:
- de Jesus: "Orai e vigiai!",
- de Krishna "Arjuna, a alma não nasce e nem morre, apenas entra e sai dos corpos perecíveis!") ,
- de Buda "Abaixo da iluminação, tudo é dor!",
- de Osho "Piadas são mais importantes do que os livros sagrados e seus profetas!"
- e de Lao-Tzé "O Tao é o Tao, e tem seus próprios desígnios insondáveis!" ..

É que estudando seus ensinamentos livremente, sinto uma imensa esperança permeando meu coração e uma imensa alegria despontando em todo meu ser.
Daí, falar de fim de mundo fica sem sentido para quem tem certeza da própria imortalidade e sente o Divino como parte de si mesmo.
No placar do meu coração está marcando:
Piada 6 X 0 Fim do mundo
Sorriso 5 X 0 Apocalípse
Amor 9 X 0 Ego
Discernimento 8 X 0 Medo
Alegria 50 X 0 Naves de resgate
Imortalidade 4 X 0 Falta de maturidade
FIN... FAN... FUN... 1000 X 0 Falta de sorriso...









Ilha de Creta/Início da civilização helênica












Geografia da Ilha de Creta 
Creta é a maior ilha localizada ao sul da Grécia, no mar Egeu. Possui um litoral muito recortado, fator que favoreceu o desenvolvimento de portos e de atividades ligadas ao comércio marítimo. O interior do território cretense é marcado pela presença de muitas montanhas, entre planícies.

História de Creta: a civilização minóica
Entre os anos de 2600 a.C (começo da Idade do Bronze) e 1450 a.C desenvolveu-se na ilha de Creta a civilização minóica. Esta civilização teve como centro a cidade de Cnossos.

Aspectos da história e cultura de Creta
- Os cretenses destacaram-se no comércio marítimo, principalmente com ilhas próximas e com a Grécia continental. Exportavam azeite, objetos de cerâmica, jóias, lã e artigos de metal. Portanto, economia de creta era baseada quase que exclusivamente nas atividades marítimas.

- Creta era uma cidade-estado, que possuia um sistema de governo monárquico, pois era governada por um rei.
- Com o desenvolvimento do comércio marítimo, os cretenses fundaram colônias em ilhas do mar Egeu e na região da Sicília.
- Na arquitetura destacou-se a construção de grandes e luxuosos palácios, como, por exemplo, o palácio de Cnossos, Festos e Mália. Estes palácios caracterizavam-se pela presença de muitos cômodos, escadarias, jardins e longos corredores.
- No campo das artes, os cretenses destacaram-se na pintura de lindos e coloridos afrescos, esculturas de metais, confecções de jóias e peças de cerâmica. A temática mais presente na arte cretense era o mar.
- Na religião, os cretenses eram muito ligados à figura da mulher. Imagens femininas aparecem em afrescos e esculturas ligadas à práticas religiosas. A deusa-mãe, segurando serpentes nas mãos, tinha grande importância para os cretenses. O touro também possuía uma certa importância no cenário religioso cretense, provavelmente em função da imagem da fertilidade. Os cretenses realizavam várias festas em homenagem ao touro, em que homens pulavam nas costas do animal.
- A mitologia minóica também foi muito rica. O principal mito cretense é o do Minotauro representado por um forte homem com cabeça de touro. Este monstro, que habitava o labirinto, foi morto pelo herói grego Teseu. Os mitos de Dédalo e Ícaro também estão relacionados à cultura minóica.


Um abraço saudoso             

                                                          


Related Posts with Thumbnails

RECOMENDO COM LOUVOR