Seguidores

sábado, 31 de julho de 2010

Uma linda história enviada por um amigo.

Este é um texto enviado por um amigo de Portugal.
É uma excelente oportunidade de reflexão para
refletirmos neste fim de semana.

 " Na minha aldeia, bem lá nas faldas da serra, um grupo de pessoas
divertiam-se com o idiota lá da aldeia.
  Um pobre coitado, de pouca inteligência, vivia de pequenos biscates e esmolas.
  Diariamente eles chamavam-lhe "o idiota" na taberna onde se reuniam e
lhe ofereciam a escolha entre duas moedas: uma grande de 5 REIS e
outra menor, de 25 REIS.
  Ele escolhia sempre a maior e menos valiosa, o que era motivo de risos
para todos.
  Certo dia, um dos membros do grupo chamou-o e perguntou-lhe se ainda
não havia percebido que a moeda maior valia menos.
  'Eu sei' - respondeu o tolo - 'Ela vale cinco vezes menos, mas no dia
em que eu escolher a outra, a brincadeira acaba e nunca mais irei
ganhar a minha moeda'.


Podem tirar-se varias conclusões dessa pequena narrativa.

A primeira:
  Quem parece idiota, nem sempre é.

A segunda:
  Quem eram os verdadeiros idiotas da historia?

A terceira:
  Se for ganancioso, acaba por estragar a sua fonte de rendimento.

A quarta e mais interessante é:
  A percepção de que podemos estar bem, mesmo quando os outros não têm
uma boa opinião a nosso respeito.
  Portanto, o que importa não é o que pensam de nos, mas sim, quem
realmente somos.

Moral da Historia...
  ' O maior prazer de uma pessoa inteligente é fazer-se de idiota,
diante de um idiota que julga ser inteligente'.
 
 Paulo J. Coelho - Cascais/Portugal

Imbomdeiro - blog

Clica aqui e conheça o blog do meu
amigo Paulo.
Obrigada pelo texto e um
excelente fim de semana a todos.


 

sexta-feira, 30 de julho de 2010

O FUTURO DO PT por Lucia Hippolito


Conforme eu prometi na postagem de ontem, vou apresentar 
um texto da grande Jornalista Lucia Hippolito,
 por achar o conteúdo muito coerente e verdadeiro.
 Infelizmente, muitos não concordarão conosco , porém,
 cada um tem suas razões para crer ou não. 
Não culpo quem ainda insiste em defender este partido,
 uns por interesses pessoais e por vantagens recebidas 
e outros, por excesso de idealismo e esperança,
 ainda que os fatos mostrem o contrário.

"O PT nasceu de cesariana, há 29 anos. O pai foi o movimento sindical, e a mãe, a Igreja Católica, através das Comunidades Eclesiais de Base.
Os orgulhosos padrinhos foram, primeiro, o general Golbery do Couto e Silva, que viu dar certo seu projeto de dividir a oposição brasileira.

Da árvore frondosa do MDB nasceram o PMDB, o PDT, o PTB e o PT... Foi um dos únicos projetos bem-sucedidos do desastrado estrategista que foi o general Golbery.

Outros orgulhosos padrinhos foram os intelectuais, basicamente paulistas e cariocas, felizes de poder participar do crescimento e um partido puro, nascido na mais nobre das classes
sociais, segundo eles: o proletariado.

O PT cresceu como criança mimada, manhosa, voluntariosa e birrenta. Não gostava do capitalismo, preferia o socialismo. Era revolucionário. Dizia que não queria chegar ao poder, mas denunciar os erros das elites brasileiras.

O PT lançava e elegia candidatos, mas não "dançava conforme a música". Não fazia acordos, não participava de coalizões, não gostava de alianças. Era uma gente pura, ética, que não se misturava com picaretas.

O PT entrou na juventude como muitos outros jovens: mimado, chato e brigando com o
mundo adulto.

Mas nos estados, o partido começava a ganhar prefeituras e governos, fruto de alianças, conversas e conchavos. E assim os petistas passaram a se relacionar com empresários,
empreiteiros, banqueiros.

Tudo muito chique, conforme o figurino.

E em 2002 o PT ingressou finalmente na maioridade. Ganhou a presidência da República. Para isso, teve que se livrar de antigos companheiros, amizades problemáticas. Teve que abrir mão de convicções, amigos de fé, irmãos camaradas.

A primeira desilusão se deu entre intelectuais. Gente da mais alta estirpe, como Francisco de Oliveira, Leandro Konder e Carlos Nelson Coutinho se afastou do partido, seguida de um
grupo liderado por Plinio de Arruda Sampaio Junior.

Em seguida, foi a vez da esquerda. A expulsão de Heloisa Helena em 2004 levou junto Luciana Genro e Chico Alencar, entre outros, que fundaram o PSOL.

Os militantes ligados a Igreja Católica também começaram a se afastar, primeiro aqueles ligados ao deputado Chico Alencar, em seguida, Frei Betto.

E agora, bem mais recentemente, o senador Flávio Arns, de fortíssimas ligações familiares
com a Igreja Católica.

Os ambientalistas, por sua vez, começam a se retirar a partir do desligamento da senadora Marina Silva do partido.

Afinal, quem do grupo fundador ficará no PT? Os sindicalistas.

Por isso é que se diz que o PT está cada vez mais parecido com o velho PTB de antes de 64.

Controlado pelos pelegos, todos aboletados nos ministérios, nas diretorias e nos conselhos das estatais, sempre nas proximidades do presidente da República.

Recebendo polpudos salários, mantendo relações delicadas com o empresariado. Cavando benefícios para os seus.
Aliando-se ao coronelismo mais arcaico, o novo PT não vai desaparecer, porque está fortemente enraizado na administração pública dos estados e municípios. Além do governo federal, naturalmente.
É o triunfo da pelegada".

Lucia Hippolito
http://oglobo.globo.com

Um grande abraço a esta jornalista
corajosa e competente!




 

quinta-feira, 29 de julho de 2010

VAMOS ACORDAR MINHA GENTE!!!!!



Peço a todos o máximo de atenção ao ouvir
este vídeo, principalmente se você é brasileiro,
se ama sua Pátria e sobretudo se tem respeito
por você mesmo. Não costumo postar nada
sobre política nestas páginas, não é esse o meu
objetivo, porém, eu me respeito, amo o meu
Brasil e me sentiria omissa se não divulgasse
notícias como esta. Peço àqueles que acreditam
em um País mais decente que divulguem este
vídeo, porque, muita gente, principalmente os
jovens não se interessam por esse tipo de notícia.
Faça a sua parte porque eu estou fazendo a minha.
Agradeço a Sonia Silvino que me enviou este vídeo
e que, como brasileira convicta também luta, denuncia
e expões em seu blog toda a indignação por estes abusos
de poder. Um de seus blogs chamado Pimentinha Brasileira
http://pimenta-com-br.blogspot.com/, informa e alerta o
povo brasileira sobre os desmandos do governo. Visitem
e fiquem informados dos fatos mais inusitados destes 
governantes atuais, que já não escondem as falcatruas e
as más intenções, porque sabem que a impunidade os
livrará de uma possível condenação.
Para complementar a leitura deste vídeo leiam
a postagem do dia 22 logo abaixo intitulada:
Troque um Parlamentar por 344 Professores.
Na próxima postagem divulgarei uma matéria
da jornalista Lucia  Hipóllito que é simplesmente
I M P E R D Í V E L!!!

Beijos carinhosos


 

quarta-feira, 28 de julho de 2010

Parabéns prima querida!!!

É normal que todos queiram viver no topo da montanha, porém, o que muita gente não sabe é que TODA a felicidade está no percurso.
Hoje, minha prima Marilda, não comemora os anos, mas comemora a vida!
O percurso desta caminhada, nem sempre é cheia de flores, também tem os espinhos, os buracos e muitas vezes, a lama...Porém, estes são detalhes inevitáveis, e se soubermos passar sobre tudo isto de cabeça erguida, enxergaremos no horizonte as flores, o perfume, os pássaros cantando...
O caminho percorrido pela minha prima, já teve muitas pedras, mas ela soube passar sobre elas com altivez e bravura. Hoje a vida lhe estende um tapete vermelho, aquele da noite do Oscar, e eu a vejo passar com toda pompa e elegância, rumo à maturidade.

Marilda, aproveite a beleza da vida, aprecie o colorido exuberante da natureza, sinta o perfume das flores, ouça o cantar dos pássaros e principalmente, sinta o calor do abraço de todos aqueles que te amam, inclusive eu!

Quem quiser cumprimentá-la passe no blog dela “Real Drems”, http://marildalindinha.blogspot.com.

Tenham todos um bom dia!


segunda-feira, 26 de julho de 2010



Hoje, quero prestar uma homenagem a alguém muito especial.
Seu nome é Phivos Nicolaides, ele é da ilha de Chipre, Nicosia.
É bancário, escritor e blogueiro. Uma pessoa querida que sempre
que tem oportunidade prestigia os amigos e artistas no início de
carreira.
Fiquei muito emocionada quando ele dispensou uma página
inteira para falar da minha cidade São José do Rio Preto,
colocando fotos minha e de minha família, conforme vocês
poderão verificar aqui:
Este blog é um banho de cultura e, gostaria de convidar a todos
para um passeio pelas suas páginas. A impressão que se tem é
de uma viagem real por lugares magníficos, em Chipre, Grécia,
Brasil e outros países da Europa, América do Norte, Asia, etc.
O slide acima é do blog de Nicolaides que prestigia artistas de
todas as áreas. Como vocês poderão observar Nicolaides recebeu
a consagrada atriz Olimpia Dukakis, de origem grega, mas que
vive nos EUA e atua em cinema. Também tem fotos de escritores,
cantoras, artistas plásticos e alguns trabalhos que estão muito
bem expostos nas páginas deste blog “Vakis Nicolaides”.
Quem quiser visitar estes blogs é só clicar nos selos abaixo:



A homenagem tem continuação no meu outro blog
"Mimos e Homenagens", com outro slide e 
maiores informações sobre este querido amigo. http://mimosehomenagens.blogspot.com

Deixo aqui meus agradecimentos ao Nicolaides
juntamente com um forte abraço,




 

domingo, 25 de julho de 2010

MINHA HOMENAGEM A TODOS OS ESCRITORES



Deixo aqui todo meu carinho aos profissionais da escrita,
desejando uma jornada cheia de relizações!

Um abraço literário e beijos poéticos!

 

sábado, 24 de julho de 2010

Meus agradecimentos

Glitter Photos


Quero agradecer à minha irmã Odete Dan pela homenagem 
prestada ao meu blog. Este é o primeiro banner feito por ela!
Odete é Assistente Social da ESEBA em Uberlândia/MG. 
Também da aula em uma faculdade particular da cidade e
é avó do Bryan, que atualmente está com 6 aninhos e vive
em Miami/USA. Também é avó da Malu e da Clarinha,
gêmeas de 6 meses.
Ela também é blogueira e posta matérias voltadas para
a educação e cultura. Quem quiser ficar bem informado
sobre este assunto é só acessar o link:
http://odetedan.blogspot.com. 
O Outro blog  (ninguém fica com um só!) 
é sobre ética e cidadania. Confiram a última
postagem sobre a nova lei (polêmica)
que pune os pais que batem nos filhos:
http://eticaecidadania-odetedan.blogspot.com.
Ou então cliquem no selo abaixo e leia o texto todo.



 

quinta-feira, 22 de julho de 2010

TROQUE 01 PARLAMENTAR POR 344 PROFESSORES. EU APOIO ESTA TROCA

Recebi o texto abaixo da minha irmã Odete que trabalha com educação. 
Vamos refletir sobre o assunto e tomar uma atitude, pois, reflexão sem ação não
trará solução!  

   
   " O salário de 344 professores que ensinam é  =  ao de 1 parlamentar que rouba
     vale a pena repassar.

    Essa é uma campanha que vale!
    Repasso com solidária revolta!


    Prezado amigo!

    Sou professor de Física, de ensino médio de uma escola pública em uma cidade do interior da Bahia e gostaria de expor a você o meu salário bruto mensal: R$650,00

    Eu fico com vergonha até de dizer, mas meu salário é R$650,00. Isso mesmo! E olha que eu ganho mais que outros colegas de profissão que não possuem um curso superior como eu e recebem minguados R$440,00. Será que alguém acha que, com um salário assim, a rede de ensino poderá contar com professores competentes e dispostos a ensinar? Não querendo generalizar, pois ainda existem bons professores lecionando, atualmente a regra é essa: O professor faz de conta que dá aula, o aluno faz de conta que aprende, o Governo faz de conta que paga e a escola aprova o aluno mal preparado. Incrível, mas é a pura verdade! Sinceramente, eu leciono porque sou um idealista e atualmente vejo a profissão como um trabalho social. Mas nessa semana, o soco que tomei na boca do estomago do meu idealismo foi duro!
    Descobri que um parlamentar brasileiro custa para o país R$10,2 milhões por ano... São os parlamentares mais caros do mundo. O minuto trabalhado aqui custa ao contribuinte R$11.545.

   Na Itália, são gastos com parlamentares R$3,9 milhões, na França, pouco mais de R$2,8 milhões, na      Espanha, cada parlamentar custa por ano R$850 mil e na vizinha Argentina R$1,3 milhões.
    Trocando em miúdos, um parlamentar custa ao país, por baixo, 688 professores com curso superior !
    Diante dos fatos, gostaria muito, amigo, que você divulgasse minha campanha, na qual o lema será:

    'TROQUE UM PARLAMENTAR POR 344 PROFESSORES'.

    COMO VOCE VAI VOTAR DEPOIS DE LER ESTA MATÉRIA??

    REPASSEM, EU JÁ ADERI À CAMPANHA!".

Eu concordo com a troca. E você?
Um abraço,



 

quarta-feira, 21 de julho de 2010

Seis Coisas Sobre Mim!!!

Picture Captions


Recebi e aceitei um desafio da minha amiga Juliana Carla do blog Braille da Alma. Estando de acordo, vou “revelar” seis coisas que muita gente (principalmente do meu círculo social na blogosfera) não sabe sobre mim:

1)    Não gosto do PT, nem de absolutamente nada da esquerda...tenho pavor do comunismo e de regimes totalitários e opressores.Acho a nossa política uma vergonha e não confio em ninguém da alta cúpula governamental.

2)    Apesar de estar me formando em Letras, tenho uma dificuldade enorme em matérias como Sintaxe e Gramática. Fiquei de rec em Sintaxe no ano passado e quase surtei.Mas consegui passar.

3)    Levei muitos anos para descobrir que eu não preciso de religião para ser religiosa. Carregava um enorme complexo de culpa por não me adaptar a nenhuma delas. Mas descobri que sou um ser muito espiritual, independente de qualquer religião. A partir de então passei a respeitar TODAS as crenças. Estudo filosofia Cristã e sou ecumênica.

4)    Descobri que sou capaz de absolutamente TUDO para defender minha filha Milena.  Minha força não tem limites, e isto me assusta um pouco.

5)    Sou extremamente paciente e tolerante, porém, quando por algum motivo, deixo de ser, não queiram conhecer o Gengis khan que habita dentro de mim. Por isso não provoques, sou cor de rosa choque!!!

6)    Tenho um dom especial para descobrir quando alguém está mentindo. Minha intuição é muito aguçada e já me prejudiquei muito por não dar a ela a devida importância. Hoje, minha vida é pautada pela minha intuição e é por isso que sou tão feliz.

Agora, tenho que desafiar outras seis pessoas para realizarem (se quiserem) esta mesma tarefa. Convoco:

Sonia Silvino, Elsy Myrian Pantoja, Marilda Oliveira, Ana Maria, Bruna Longobucco, Valéria C.

Boa prova minhas querida!

Beijos carinhosos,


 

domingo, 18 de julho de 2010

Tolerância Zero!!!


A vida requer um exercício constante de muita tolerância. Para vivermos em harmonia devemos ser tolerantes. Quem é seguro de si e conhece seus valores, sabe ser uma pessoa tolerante. Porém, a tolerância requer autoconhecimento e muita sabedoria, pois, há um tênue limite entre a tolerância e a permissividade.
É preciso estar sempre atento para que a tolerância não implique em omissão demasiada e em displicência, pois, isto é sinal de irresponsabilidade. Os excessos devem ser evitados em quaisquer circunstâncias, portanto, para ser tolerante, é preciso “compreender”, e, sobretudo, estabelecer limites. Para que isto seja possível, devemos acionar toda nossa sabedoria e intuição. Eu posso, por exemplo, ser intolerante com a mentira, sem precisar ser cruel com o mentiroso. Mas também não devo permitir que o mentiroso me prejudique! O máximo que posso fazer é dar o meu exemplo de honestidade para que o outro possa se espelhar em mim.
É muito comum nos relacionamentos sociais, a pessoa intolerante não “enxergar” os seus próprios defeitos e assim, projetá-los no outro. Desta forma, o intolerante passa a desenvolver um sentimento de frustração, raiva, contrariedade e até mesmo de ódio para com o próximo. E pelo fato do intolerante não “suportar” suas próprias falhas, passa a enxergá-las nas pessoas com as quais convive, isso as incomoda tanto.
Um bom método para uma auto-reflexão é, observarmos quais atitudes alheias mais nos incomodam? Devemos parar para pensar no por que do desconforto, com determinadas atitudes. Esta é a base para compreendermos a nossa intolerância em relação aos outros.
Mas ser tolerante e delimitar limites requer trabalho e tempo. Isto implica em muitas renúncias. Aceitar os limites e as frustrações da vida é saber aceitar-se. É poder compreender que nada nem ninguém são perfeitos, inclusive você mesmo. A partir do momento que você se conhece e se aceita como é, você está apto para compreender o outro e aceitá-lo também como é.
De acordo com Freud, nossa mente é regida pelos seguintes princípios: O do prazer/desprazer, e pelo princípio da realidade. O primeiro consiste em buscar o prazer, custe o que custar. Desta forma, tudo o que traz desconforto, tem que ser eliminado (intolerância). O segundo princípio implica na possibilidade de antecipar a ação através do “pensamento”, expressando-se pela palavra. O princípio da realidade, portanto, implica numa maior tolerância com relação ao seu próprio desconforto. Assim sendo, se alguém te magoa por exemplo, pelo simples fato de não te dar um sorriso, porque acordou de mau humor, você está sendo guiado pelo princípio do prazer e se sentirá incomodado e, não falará com aquela pessoa por algum tempo. Mas se agir pelo princípio da realidade, esperará até que haja um momento propício para perguntar o que houve com ela e o porquê ela não estava sorridente.
Percebam que o segundo principio requer o exercício de “pensar” e isto é uma atividade complexa, pois, exige de você um confronto com as dificuldades e os obstáculos da vida. E como muita gente não gosta de “pensar”, opta pelo princípio do prazer, tornando-se intolerante e inconstante e, conseqüentemente sozinhas.
O intolerante é uma pessoa infeliz, frustrada, insegura e invejosa porque não suporta o confronto com as diferenças. Isto torna o intolerante cada vez mais exigente e rígido com os demais e consigo mesmo.
Portanto, está em nossas mãos sermos tolerantes e compreensivos, construindo muitas “pontes” ao invés de “muros”, e com isto sermos felizes... Ou não. A escolha é nossa!


Este texto foi baseado na leitura do livro: "Não faça tempestade em copo d'água". Adaptado por Magali Guilherme Fernandes


Uma ótima semana a todos!


sábado, 17 de julho de 2010

Meus agradecimentos...

Recados para orkut sobre agradecer-scrap



Obrigada Aninha,pelo lindo
selinho. Quem ainda não
conhece o blog Palavras Soltas
faça uma visita urgente!!!
http://anninhadoleonardo.blogspot.com . 

Obrigada a todos que 
participaram da nossa festinha
deixando ou não o seu comentário.
Tenham um excelente final de semana!
Bjus




sexta-feira, 16 de julho de 2010

Festa comemorativa de oito mil visitas!!! Todos estão convidados...

Leve-me com você




Esta é uma lembrança que quero oferecer a todos!
Espero que gostem e levem com vocês!




Convido a todos vocês para
 a festinha de comemoração das
8000 visitas deste blog!!!



Eu não poderia deixar passar em branco esse momento tão especial
e agradecer a todos pelas visitas que fizeram a este blog.


Vocês realmente sabem como agradar alguém...
Ser lembrado é uma coisa deliciosa, e vindo de pessoas tão 
especiais como vocês , fica melhor ainda.


Muito obrigada! Eu fico muito feliz com a visita de cada um de
vocês. Sempre que puder vou tentar retribuir com muita alegria.
Eu quero que vocês sejam muito felizes, como eu sou! Receba todas
as graças desta vida fazendo dos seus dias, dias de emoção e harmonia.
Obrigada e continuem prestigiando este espaço!


beijos carinhosos


Tim tim!!!!




quinta-feira, 15 de julho de 2010

A TRISTE REALIDADE DA VIDA DO AGRICULTOR: todos são iguais perante a lei?

Quero prestar uma homenagem ao homem do campo que trabalha incansavelmente para sobreviver, sem que sua luta seja reconhecida. Homens, mulheres e crianças que se privam do conforto da cidade, para cultivarem os alimentos que chegam até à nossa mesa, e que muitas vezes acabam desistindo destas atividades por pura falta de incentivos dos governos e, consequentemente, por falta de condições adequadas para a própria subsistência no campo.
Transcrevo abaixo, um texto que recebi da minha amiga Vera Lucia Locilento, via email, questionando os direitos destes bravos trabalhadores:


"Carta do Zé Agricultor para Luís da Cidade

Luís, quanto tempo!
Eu sou o Zé, teu colega de ginásio noturno, que chegava atrasado, porque o transporte escolar do sítio sempre atrasava, lembra né? O Zé do sapato sujo? Tinha professor e colega que nunca entenderam que eu tinha de andar a pé mais de meia légua para pegar o caminhão por isso o sapato sujava.
Se não lembrou ainda eu te ajudo. Lembra do Zé Cochilo... hehehe, era eu. Quando eu descia do caminhão de volta pra casa, já era onze e meia da noite, e com a caminhada até em casa, quando eu ia dormi já era mais de meia-noite
De madrugada pai precisava de ajuda pra tirar leite das vacas. Por isso eu só vivia com sono. Do Zé Cochilo você lembra né Luis?
Pois é. Estou pensando em mudar para viver ai na cidade que nem vocês Não que seja ruim o sítio, aqui é bom. Muito mato, passarinho, ar puro... Só que acho que estou estragando muito a tua vida e a de teus amigos ai da cidade.
To vendo todo mundo falar que nós da agricultura estamos destruindo o meio ambiente.
Veja só. O sítio de pai, que agora é meu (não te contei, ele morreu e tive que parar de estudar) fica só a uma hora de distância da cidade. Todos os matutos daqui já têm luz em casa, mas eu continuo sem ter porque não se pode
fincar os postes por dentro uma tal de APPA que criaram aqui na vizinhança.
Minha água é de um poço que meu avô cavou há muitos anos, uma maravilha, mas um homem do governo veio aqui e falou que tenho que fazer uma outorga da água e pagar uma taxa de uso, porque a água vai se acabar. Se ele falou deve ser verdade, né Luis?
Pra ajudar com as vacas de leite contratei Juca, filho de um vizinho muito pobre aqui do lado. Carteira assinada, salário mínimo, tudo direitinho como o contador mandou. Ele morava aqui com nós num quarto dos fundos de casa. Comia com a gente, que nem da família. Mas vieram umas pessoas aqui, do sindicato e da Delegacia do Trabalho, elas falaram que se o Juca fosse tirar leite das vacas às 5 horas tinha que receber hora extra noturna, e que não podia trabalhar nem sábado nem domingo, mas as vacas daqui não sabem os dias da semana ai não param de fazer leite. Ô, bichos aí da cidade sabem se guiar pelo calendário?
Essas pessoas ainda foram ver o quarto de Juca, e disseram que o beliche tava 2 cm menor do que devia. Nossa! Eu não sei como encumpridar uma cama, só comprando outra né Luis? O candeeiro eles disseram que não podia acender
no quarto, que tem que ser luz elétrica, que eu tenho que ter um gerador pra ter luz boa no quarto do Juca.
Disseram ainda que a comida que a gente fazia e comia juntos tinha que fazer parte do salário dele. Bom Luis, tive que pedir ao Juca pra voltar pra casa, desempregado, mas muito bem protegido pelos sindicatos, pelo fiscais e pelas
leis. Mas eu acho que não deu muito certo. Semana passada me disseram que ele foi preso na cidade porque botou um chocolate no bolso no supermercado. Levaram ele pra delegacia, bateram nele e não apareceu nem sindicato nem
fiscal do trabalho para acudi-lo.
Depois que o Juca saiu eu e Marina (lembra dela, né? casei) tiramos o leite às 5 e meia, ai eu levo o leite de carroça até a beira da estrada onde o carro da cooperativa pega todo dia,isso se não chover. Se chover, perco o leite e dou aos porcos, ou melhor, eu dava, hoje eu jogo fora.
Os porcos eu não tenho mais, pois veio outro homem e disse que a distância do chiqueiro para o riacho não podia ser só 20 metros. Disse que eu tinha que derrubar tudo e só fazer chiqueiro depois dos 30 metros de distância do rio, e ainda tinha que fazer umas coisas pra proteger o rio, um tal de biodigestor. Achei que ele tava certo e disse que ia fazer, mas só que eu sozinho ia demorar uns trinta dia pra fazer, mesmo assim ele ainda me multou, e pra poder pagar eu tive que vender os porcos as madeiras e as telhas do chiqueiro, fiquei só com as vacas. O promotor disse que desta vez, por esse crime, ele não ai mandar me prender, mas me obrigou a dar 6 cestas básicas pro orfanato da cidade. Ô Luis, ai quando vocês sujam o rio também pagam multa grande né?
Agora pela água do meu poço eu até posso pagar, mas tô preocupado com a água do rio. Aqui agora o rio todo deve ser como o rio da capital, todo protegido, com mata ciliar dos dois lados. As vacas agora não podem chegar no rio pra não sujar, nem fazer erosão. Tudo vai ficar limpinho como os rios ai da cidade. A pocilga já acabou as vacas não podem chegar perto. Só que alguma coisa tá errada, quando vou na capital nem vejo mata ciliar, nem rio limpo. Só vejo água fedida e lixo boiando pra todo lado.
Mas não é o povo da cidade que suja o rio, né Luis? Quem será? Aqui no mato agora quem sujar tem multa grande, e dá até prisão. Cortar árvore então, Nossa Senhora!. Tinha uma árvore grande ao lado de casa que murchou e tava
morrendo, então resolvi derrubá-la para aproveitar a madeira antes dela cair por cima da casa.
Fui no escritório daqui pedir autorização, como não tinha ninguém, fui no Ibama da capital, preenchi uns papéis e voltei para esperar o fiscal vim fazer um laudo, para ver se depois podia autorizar. Passaram 8 meses e ninguém apareceu pra fazer o tal laudo ai eu vi que o pau ia cair em cima da casa e derrubei. Pronto! No outro dia chegou o fiscal e me multou. Já recebi uma intimação do Promotor porque virei criminoso reincidente. Primeiro foi os porcos, e agora foi o pau. Acho que desta vez vou ficar preso.
Tô preocupado Luis, pois no rádio deu que a nova lei vai dá multa de 500 a 20 mil reais por hectare e por dia. Calculei que se eu for multado eu perco o sítio numa semana. Então é melhor vender, e ir morar onde todo mundo cuida da ecologia.. Vou para a cidade, ai tem luz, carro, comida, rio limpo. Olha, não quero fazer nada errado, só falei dessas coisas porque tenho certeza que a lei é pra todos.
Eu vou morar ai com vocês, Luis. Mais fique tranqüilo, vou usar o dinheiro da venda do sítio primeiro pra comprar essa tal de geladeira. Aqui no sitio eu tenho que pegar tudo na roça. Primeiro a gente planta, cultiva, limpa e só depois colhe pra levar pra casa. Ai é bom que vocês e só abrir a geladeira que tem tudo. Nem dá trabalho, nem planta, nem cuida de galinha, nem porco, nem vaca é só abri a geladeira que a comida tá lá, prontinha, fresquinha, sem precisá de nós, os criminosos aqui da roça.
Até mais Luis.
Ah, desculpe Luis, não pude mandar a carta em papel reciclado pois não existe por aqui, mas aguarde até eu vender o sítio".


*(Todos os fatos e situações de multas e exigências são baseados em dados verdadeiros. A sátira não visa atenuar responsabilidades, mas alertar o quanto o tratamento ambiental é desigual e discricionário entre o meio rural e o meio urbano.) *
"Na prática, a teoria é outra."





Related Posts with Thumbnails

RECOMENDO COM LOUVOR